Uma pessoa resiliente possui grande capacidade de se adaptar e superar desafios e problemas.  O resiliente não se dá por vencido, não se deixa abater no primeiro obstáculo. Quem quer ser resiliente tem foco em seguir o seu caminho, independente das adversidades.

Ser resiliente não se trata de nascer assim ou ter condições de vida que favoreçam essa característica. A resiliência se desenvolve e aprimora ao longo do tempo. Ela vem com a confiança na possibilidade de se construir resultados positivos, mesmo que a situação atual não seja boa.

 

ACREDITAR EM SI MESMO

 

A resiliência começa quando se acredita em si mesmo e no potencial transformador que existe dentro de si. Não há como falar em ser resiliente se não houver confiança de que você pode realizar aquilo que se propõe.

Quem não acredita em sua própria força e está sempre focando no próximo problema que pode surgir não está com sua atenção direcionada ao momento presente e o que pode fazer hoje para ter resultados positivos no amanhã. É a pessoa que se rende a reclamações e arrependimentos.

Se você acredita em si mesmo e tem foco em buscar soluções as transformações acontecem. Você se adapta as novas situações e segue caminhos alternativos em busca dos seus objetivos. É um caminho onde há mais soluções do que problemas.

 

SER O PROTAGONISTA DA SUA VIDA

 

Apontar culpados e procurar problemas onde não existe é uma atitude de quem não quer se responsabilizar. É bem provável que você conheça alguém que está sempre apontando o culpado por algo que aconteceu ou se preocupando em se isentar quando algo problemático acontece.

São pessoas que vivem de carona nas conquistas dos outros. Depois que alguém abriu o caminho e preparou o terreno elas seguem pelo caminho “seguro”. São pessoas que tem dificuldade em lidar com o desconhecido e tem medo de errar.

Agir de forma contrária as pessoas que estão sempre apontando culpados e tem medo de errar é justamente o caminho do resiliente. Para ser resiliente e alcançar os seus objetivos é preciso deixar de lado a procura por culpados ou se sentir culpado por erros cometidos.

O resiliente não tem tempo para procurar culpados, se sentir culpado por um erro ou se colocar no papel de vítima. Ser resiliente é assumir a sua própria vida e buscar soluções ao invés de problemas, é ser responsável e confiar no potencial que tem para construir sua própria realidade.

 

A FORÇA PARA ALCANÇAR OS SEUS OBJETIVOS

 

Muitas pessoas aprenderam a viver apenas com aquilo que a vida lhes apresenta. Não percebem o poder que possuem de transformar a sua própria realidade e dar vazão ao seu imenso potencial. Se acomodam em determinado ponto da vida esperando pelo fim dela.

Querer algo mais da vida é o estado natural de qualquer pessoa. A própria vida pede por mudanças e crescimento. O desenvolvimento é o caminho de todo ser vivo. Mas nem todo mundo se preocupa em deixar claro, para si mesmo, os seus objetivos de vida.

Quando algo dá errado a maioria das pessoas simplesmente desiste. Seguir em frente e ter persistência é característica daqueles que conquistam seus objetivos. Ser resiliente é mais do que sobreviver as adversidades da vida, é ter foco e força para alcançar aquilo que se almeja.   

 

ESTAR PRONTO PARA MUDAR

 

Ser resiliente não se refere a alguém que fica insistindo no erro, mas a alguém que se adapta. Se um caminho escolhido não for o melhor, então é preciso buscar outro. Fazer de uma forma melhor do que foi feita antes e alcançar resultados melhores.

Ser resiliente é aprender com os erros e situações difíceis e transformar algo ruim em algo bom. Esse é o grande poder de quem é resiliente. Por isso, alguém que é resiliente não se deixa abater facilmente. Pois sabe que tem toda a capacidade de mudar uma situação desfavorável para uma realidade próspera.

A resiliência é algo que só se aprimora com o tempo. A experiência ensina as melhores formas de lidar com as adversidades e apazigua o coração. Aquele que é resiliente não se abala facilmente, sabe que o mundo é de constantes mudanças e que ele tem a força e a flexibilidade necessárias para seguir em frente e ir se adaptando.

 

PARA SER RESILIENTE

 

Se você deseja ser resiliente, antes de qualquer coisa, é preciso que acredite em você mesmo. Você não precisa ser nenhum super-herói para ser resiliente. Mas você precisa acreditar em si mesmo e saber que é capaz de vencer qualquer obstáculo que apareça.

Pode ser que você tenha dúvidas sobre você mesmo, que sinta dificuldade em acreditar no seu potencial. Comece desenvolvendo o autoconhecimento, transforme essa palavra em algo real na sua vida. Conheça melhor a si mesmo e o seu potencial. É preciso saber quem você é hoje para entender quem poderá vir a ser amanhã.

O autoconhecimento também irá lhe ajudar a encontrar os seus objetivos, caso não os tenha. Se tiver, talvez perceba que esses objetivos não estão alinhados a quem você é e aquilo que irá lhe fazer feliz.

Se mantenha próximo de pessoas que lhe conheçam e queiram bem. Elas podem lhe ajudar a encontrar a força para seguir em frente e transformar uma situação complicada em algo leve e positivo.

Você também poderá se beneficiar de técnicas que promovem a calma e bem-estar e estimulam a reflexão, como a meditação ou o mindfullness, por exemplo. Isso será benéfico para tomar decisões em situações em que está sob pressão e com receio de seguir em frente. Confie em você e transforme sua vida a cada dia!

 

O GUERREIRO (RESILIENTE)

 

Uma batalha a cada dia.

Um aprendizado a cada momento.

De armas em punho segue o seu caminho

Travando batalhas consigo mesmo.

Descobrindo em si a força para seguir.

 

Guerreiro feroz, nunca cala sua voz.

Chama para si a responsabilidade

E ruma confiante em sua trajetória.

Não mede esforços para alcançar a vitória.

 

A mudança sempre lhe acompanha,

Precisa se adaptar para crescer

E deixar sua marca num futuro amanhecer.

 

Guerreiro que não tem medo da morte,

Pois morre e renasce a cada dia.

 

Seus feitos eternizarão sua história.

 

Rodrigo Poiesis