RESPIRAR

Quero parar o mundo

Mesmo que por um segundo

Esquecer de tudo.

Apenas respirar.

 

A vida pode ter momentos bem turbulentos e agitados, é tudo tão acelerado, tudo tão superficial, ao mesmo tempo que é tão cheio de informações. É fácil nos perdemos em nossa organização, mais fácil ainda se irritar quando as coisas não dão certo e, o que parecia ser um pequeno erro, desencadeia uma sucessão de complicações durante o dia.

 

1, 2, 3…

Dizem que até 10 é o segredo,

O difícil é chegar lá

E falar pra si mesmo

Que é hora de respirar.

 

Uma palavra mal interpretada, um desentendimento, colocar algo onde não devia, esquecer de algo no caminho, tropeçar e… lá se foi um tempo precioso, lá se foi um pouco da cota de paciência. O dia tinha começado tão bem (ou não), por que isso agora? Quem nunca sentiu acordar com o pé esquerdo ou quis simplesmente largar tudo e sumir de determinado lugar?

É… a vida é assim, cheia desses percalços que criamos, cheia de estresse e correria, perfeccionismo e cobranças. Tentamos ser mais rápidos que o ponteiro do relógio, sonhando com mais horas em nossos dias.

 

Tudo passou tão depressa.

A vida mal cabe no espaço

Que temos para amar.

 

Desculpe! Isso não vai se repetir. Esta foi a última vez. Frases que repetimos acreditando (ou querendo crer) que não voltaremos a usar. São tantas coisas que temos para lidar, muitas vezes a família fica em segundo lugar. Não porque sejamos mal ou não nos importemos, mas porque temos nossos deveres. São coisas que precisamos fazer, sei que os outros irão entender.

 

Preciso de aconchego,

Preciso do seu colo,

Das palavras que me fala

E me fazem suspirar.

 

As pessoas podem não entender nossas motivações, mas aquelas que nos são mais próximas e queridas nos amparam e fazem tudo valer a pena. Muitas vezes justificamos o que fazemos por elas ou por nossas ambições. Mas será mesmo que essas motivações que dizemos ter e nos movem são realmente o motivo para fazer o que fazemos?

Sei que muitas pessoas se surpreenderiam ao ouvir seus próprios corações e anseios, descobrir o que realmente almejam, independente dos outros. Não se entregar simplesmente “ao que todo mundo faz” e deixar-se levar um pouco por aquilo que lhe emociona e faz vibrar. Não se preocupe, é normal que haja choques e surpresas quando você encontra a si mesmo e segue um caminho próprio. Não há quebra de ciclos sem mudança de direção.

Com o tempo você descobrirá que as pessoas que realmente se importam com você ficarão felizes com você feliz.

 

Quero quebrar as correntes

E sentir a leveza de voar.

E na brisa de nova estação,

Finalmente, poder respirar.


 

Gostou? Compartilhe o texto pelas redes sociais :)