CALIFORNICATION

A expressão californication se tornou popular com a música, de mesmo nome, do Red Hot Chili Peppers lançada no ano de 1999. A Califórnia e sua fornicação são apresentadas de forma crítica em relação a vida ostentada em Hollywood e o que muitas pessoas passam em busca de destaque ou para se manter como uma celebridade.

Hollywood vende a beleza de suas praias e onde o sol se põe, o local final indicado na música. Também estão presentes na letra as meninas da Suécia, ou estrangeiras de modo geral, que buscam realizar seus sonhos de aparecer em filmes, mas nem todas acabam fazendo os filmes que gostariam. Você pode tentar se destacar nesse meio e se ver em meio a indústria de pornô suave explícito, como diz a música.

Pague bem seu cirurgião para quebrar o feitiço do envelhecimento, assim a música aborda a preocupação estética exagerada, onde as pessoas chegam a ficar irreconhecíveis com tantas intervenções cirúrgicas, uma guerra contra o tempo na busca do sonho vendido na californication. Garotas que se envolvem com pessoas influentes da indústria tentando “comprar uma estrela na calçada da fama” e acabam como uma adolescente grávida tentando absorver a nova realidade.

Ainda há citação sobre o caminho da destruição, que poderia ser este caminho extremo de suprir o desejo de reconhecimento por meio da superficialidade, da criação de uma imagem. A destruição é uma estrada violenta, mas que tem poder para criação. Mas que no caso da californication nem maremotos poderiam salvar o mundo.

Se refletirmos a respeito da mensagem que a música traz essa situação da californication não se restringe apenas a Hollywood, não é? Não precisamos ir muito longe para encontrar pessoas dispostas a diversas coisas, digamos, inusitadas para alcançar a fama. E não somente em relação a fama ou a indústria cinematográfica, isso vale para toda busca pela imagem que é fomentada pela nossa sociedade. O quanto isso ainda envolve a todos nós, em menor ou maior grau. Você já parou pra pensar o quanto você se preocupa com a sua imagem e o quanto ela influencia na sua vida? O quanto você está disposto a fazer ou mudar pra melhorar ou manter a imagem que tem?

Acho que a mudança maior virá num futuro ainda incerto, quando tivermos algo mais forte que um maremoto pra mudar essa californication, uma mudança de consciência coletiva com a valorização da essência e não da aparência.


 

Gostou? Compartilhe o texto pelas redes sociais :)